Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2019

Governador do Estado visita Bauernfest e fala no investimento para segurança

O governador Wilson Witzel visitou na noite de sexta-feira a 30ª Bauernfest. “É um evento de grande importância pro turismo do estado do Rio de Janeiro. Eu fico muito feliz de estar prestigiando”. Na visita à Festa do Colono Alemão, o governadorse mostrou encantado com a organização do evento e afirmou que em Petrópolis e em todo o estado o “turismo é o novo petróleo”.
“O Rio de Janeiro é um estado que tem grandes oportunidades de fazer eventos. Escolhi Petrópolis porque gosto de cerveja, gosto do friozinho. Petrópolis é uma cidade encantadora. O turismo esta cada vez mais presente no Rio de Janeiro”, destacou durante a visita, lembrando que Petrópolis vai continuar recebendo turistas também com eventos que acontecem na capital. “Nós temos certeza de que no Rock in Rio também vai ter muito turista aqui em Petrópolis e em diversos outros eventos” completou.
Ouça a conversa do governador com os jornalistas

Transporte irregular em Petrópolis precisa ser fiscalizado

Para quem me conhece sabe que tenho várias restrições às empresas de ônibus da cidade, pois como usuário do transporte público vivo diariamente a falta de qualidade do transporte, sem contar os problemas de mobilidade urbana. Mas, esta semana me sinto no dever de parabenizar o Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários de Petrópolis (Setranspetro) ao denunciar o transporte irregular na cidade. É importante destacar que precisamos defender o transporte público, isto é o ônibus, o serviço de transporte de passageiros individual (táxi) e também o oferecido por aplicativo (Uber, 99 e outros), regulamentados. Diante disto não podemos permitir e nem sermos favoráveis ao transporte irregular de passageiros seja qual for a modalidade. A existência deste tipo de serviço irregular, mesmo que seja para atender uma parte da população insatisfeita com os serviços regulamentados, não pode ser aceita, pois é a mostra clara de falta de ordenação urbana e controle do Poder Público. Neste senti…

Vereadores vão alterar projeto de regulamentação dos aplicativos

Falando ainda sobre a regulamentação do serviço de transporte individual de passageiro utilizando aplicativos é importante chamar atenção de todos para o que querem fazer em Petrópolis. O projeto apresentado pelo Governo Municipal, resultado de um trabalho da CPTrans em reuniões no Comutran e taxistas, com alguns motoristas da Uber, criou um projeto altamente burocrático, cheio de regras e que pode inviabilizar o serviço na cidade. Os vereadores perceberam os problemas que podem ocorrer e estão mobilizados a fazer justiça social mais com uma proposta que vai atender a todos. A primeira é mudar a lei, torná-la mais acessível reduzir a taxa que seria paga pelos motoristas que usam o aplicativo. Pela lei eles teriam que pagar anualmente R$ 408,90, além de contratar um seguro de R$ 50 mil para cada passageiro. Quem apresentou a proposta é alienado e está fora da realidade brasileira. Esta totalmente desconectado do sentimento popular que é a desoneração e não criar e aumentar a tributaçã…

O que diz a lei sobre os aplicativos de passageiros

Quem vem utilizando o transporte de passageiro por aplicativo seja a Uber ou 99, ou qualquer outro, sabe das vantagens que se tem e também os riscos. Sendo que a principal vantagem, sem dúvida nenhuma é o preço, pois chega a ser 50% ou até 70% mais barato do que uma corrida de táxi. No entanto, todo mundo reconhece a importância que tem o táxi na cidade e que muitos cidadãos, apesar do preço alto ainda preferem este tipo de transporte e um dos motivos nada mais é do que a confiança no taxista. Esta confiança, aliada ao serviço de qualidade e pessoal, faz com que muitos taxistas tenham uma carteira de clientes que lhes permite ganhar além do taxímetro. No entanto, com o crescimento do serviço de transporte por aplicativo, muitos taxistas perderam seus clientes ou tiveram reduzidos e isto causado por um simples benefício, o preço mais em conta e a certeza do valor a ser pago pela corrida. Por conta destes fatores e de tantos outros, a discussão sobre a regulamentação dos serviços de ap…

Governo perde espaço na Câmara e oposição e suplentes viram protagonistas

A situação do governo na Câmara Municipal não é das melhores. Apesar de ainda conseguir aprovar a maioria dos projetos, o prefeito Bernardo Rossi, segundo uma fonte, tem consciência que não tem mais influência sobre os vereadores. De modo geral a visão que se tem é que os vereadores estão atrelados ao Governo Municipal e por isso não atuam contra o prefeito. De fato, esta é a imagem que passa, principalmente os discursos que vão na linha de defesa do governo. Mas, conversando com os vereadores, a maioria, principalmente os suplentes querem manter uma atitude de independência e não aceitam nenhuma interferência do Governo na decisão deles sobre as votações. Um vereador chegou a afirmar que: “Mantenho meu apoio ao governo, mas se o prefeito pensa que vou votar tudo que ele quer, sem discutir, sem ver se de fato se é bom para cidade está enganado” e concluiu frisando que “não estou aqui para dize amém”. A maior dificuldade do Governo está em administrar este tipo de posicionamento, até …